Galeria

21 set 2010
Raí Oliveira
, presidente

ATLETAS PELA CIDADANIA desenvolve ações políticas e de comunicação, além de estabelecer parcerias com organizações da sociedade civil, para a construção de uma sociedade sustentável, justa e solidária. Tem como missão, promover práticas exemplares de cidadania na defesa de causas sociais através da força de mobilização de atletas e ex-atletas brasileiros.

Com objetivo de agir politicamente na defesa e promoção de causas sociais e ambientais transformadoras e sensibilizar e mobilizar a comunidade esportiva para a defesa de causas que promovam o desenvolvimento social.
.

ADEFAV – Associação para Deficiente da Áudio Visão é uma organização filantrópica reconhecida no terceiro setor, fundada em 26 de outubro de 1983.

Formada por profissionais especializados nas áreas da saúde e da educação, pais de alunos e colaboradores, tem como objetivo principal a educação de pessoas com surdocegueira, deficiência múltipla e deficiência visual.

visite e apoie: http://www.adefav.org.br/

.

Zé Carlos, por um bom tempo o Zé do São Paulo F.C. que com passes perfeitos e cruzamentos precisos, disputou uma Copa do Mundo, recebeu o título de melhor lateral-direito do Brasil e conquistou vários títulos ao longo da carreira.
Vem testemunhando um outro lado da história, um verdadeiro milagre de Deus que fez de seu sonho uma realidade.

Instituto GESC – Gestão para Organizações da Sociedade Civil

Promover a qualidade de gestão do terceiro setor, por meio da capacitação e articulação de profissionais e voluntários dos diversos setores da sociedade.

detalhe: certificação da turma 43

Gesc é um programa de aperfeiçoamento de gestores sociais, cujo objetivo principal é gerar maior profissionalismo, organização e eficiência nas instituições do terceiro setor. Todo o curso é ministrado por executivos e empresários voluntários da Associação dos MBAs da FIA/USP.

visite: http://www.ambafia.org.br/2008/gesc/



LARAMARA
– Associação Brasileira de Assistência ao Deficiente Visual.
Rosângela & Barqueiro

Laramara –  é uma organização da sociedade civil que visa apoiar a inclusão educacional e social da pessoa com deficiência visual: cegos, baixa-visão ou múltipla deficiência.

As ações da instituição incluem avaliação oftalmológica especializada, avaliação das necessidades educacionais especiais referentes à deficiência visual e atendimento específico de crianças e jovens vindos de todo o Brasil.

visite: http://www.laramara.org.br/

Senador Eduardo Suplicy, em lançamento do livro:
Uma História Feliz  RBC – Renda Básica de Cidadania
de Ziraldo

O cartunista Ziraldo no ano passado elaborou uma história em quadrinhos explicando como funciona a renda básica de cidadania, criada a partir de projeto do senador que virou a Lei 10.835, sancionada em 8 de janeiro de 2004.

Intitulado Uma história feliz (RBC – A renda básica da cidadania), o trabalho elaborado por Ziraldo conta que renda básica de cidadania é o dinheiro que todo brasileiro receberá para poder sobreviver e ter condições de se manter. “Será o direito de todos participarem da riqueza da Nação”.

Para elaborar a história, Ziraldo baseou-se em carta que Suplicy escreveu, supostamente dirigida aos seus netos – Teodoro, Bernardo, Laura, Maria Luiza e Felipe -e ao Menino Maluquinho (personagem criado pelo cartunista) explicando a proposta.

– – – – – –

 

 

 

Anúncios